Os 10 Reinos da Terra

Apocalipse 17
12 E os dez chifres que viste são dez reis, que ainda não receberam o reino, mas receberão poder como reis por uma hora, juntamente com a besta.

O sistema de administração global previsto pela Nova Ordem Mundial a fim de obter o controle no mundo dividiu assim como a bíblia predisse
a divisão do mundo em 10 partes que serão administradas pelos 10 governantes que serão estabelecidos como governates do mundo quando o anticristo(o enviado do demônio-líder mundial) assumir o poder

as 10 partes em que se dividiu o mundo são:

  • 1- América do Norte

  • 2- EUROPA OCIDENTAL

  • 5- EUROPA ORIENTAL

  • 3- JAPÃO

  • 4- RESTO DOS MERCADOS DESENVOLVIDOS

  • 6- AMÉRICA LATINA

  • 7- ORIENTE MÉDIO
  • 8- RESTO DA ÁFRICA

  • 9- SUL E SUDESTE DA ÁSIA

  • 10-CHINA

Os Reinos

Há mais de 2500 anos Deus mostrou a Daniel com inteira precisão 4 impérios que marcaram o mundo

um deles é o Romano que sobrevive até hoje

mas não tem sido delimitado por territórios mas está presente e domina todo o mundo onde tem seus seguidores

CLUBE DE ROMA:O MUNDO DIVIDO EM 10

Clube de Roma e os seus financiadores, com o título do Fundo Marshall Alemão foram dois corpos altamente organizados conspiração operando sob a capa da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) e que a maioria dos executivos do Clube de Roma eram provenientes da OTAN. The Club of Rome formulated all of what NATO claimed as its policies and, through the activities of Committee of 300 member Lord Carrington, was able to split NATO into two factions, a political (left wing) power group and its former military alliance. O Clube de Roma formulou tudo o que a OTAN afirmou que suas políticas e, através das actividades do Comité de 300 membros Lord Carrington, conseguiu dividir a OTAN em duas facções, uma ala política (esquerda), grupo de poder e sua antiga aliança militar. The Club of Rome is still one of the most important foreign policy arms of the Committee of 300, and the other being the Bilderbergers. O Clube de Roma é ainda um dos mais importantes braços da política externa do Comité dos 300, e sendo o outro o grupo Bilderberg. It was put together in 1968 from hard-core members of the original Morgenthau group on the basis of a telephone call made by the late Aurellio Peccei for a new and urgent drive to speed up the plans of the One World Government now called the New World Order. Ele foi elaborado em 1968 a partir de hard-core membros do grupo original Morgenthau, com base em um telefonema feito pelo falecido auréllio Peccei para uma unidade nova e urgente de acelerar os planos do Governo Mundial agora chamado de Novo Mundo pedido. Peccei’s call was answered by the most subversive “future planners” drawn from the United States, France, Sweden, Britain, Switzerland and Japan that could be mustered. Peccei chamada foi atendida pelos planejadores mais subversivo “futuro” provenientes dos Estados Unidos, França, Suécia, Grã-Bretanha, Suíça e Japão, que poderia ser agrupado.

O Clube de Roma é um grupo de BANQUEIROS E MILIÓNÁRIOS que se reunem para tomar decisões de como manipular e distorcer a política, economia internacional para que assim possam eliminar a concorrência de forma que venham controlar a população a fim de deixar um legado . Foi fundado em 1968 por juntamente Aurelio Peccei, um incentivador do ADELA.

Aurelio Peccei e o ADELA

O ADELA foi um consórcio de bancos criado com objetivo de ao mesmo tempo que incentivar o setor de industrialização na América Latina como uma forma de manter os países latinos á beira d eum colapso econômico

O ADELA (consórcios de bancos) foi o braço ecômico que tornou dependente de capital estrangeiro toda a América Latina
Pois ao tempos em que os Esatados Unidos apoiavam o golpe de Esttado e o fim da democracia em toda a América Latina
O Adela era utilizado para subornar os militares para que assim fizessem impréstimos milionários aos países da latinos mesmo embora muitos não precisassem

o esquema funcionava da seguinte forma

Os americanos apoiavam o golpe militar no país

então colocava os militares no poder

em troca lhes dava suborno

e então eram fornecidas várias linhas de crédito desnecessários
pois os países sul-americanos não tinham o caixa querbado mas tinham uma granda estabilidade econômica isso não era interessante aos países mais desenvolvidos pois isso significava uma ameaça uma vez que com as recentes descobertas de matéria prima no solo desde a época de Getúlio Vargas

o Nacionalismo era o terror que os Estados Unidos queriam ter varrido da América LAtina

Motivação e Objectivos
A problemática mundo formulado pelo Clube de Roma não é apenas de natureza global, envolvendo fatores tradicionalmente considerados como independentes, mas também aponta para as situações de crise que se desenvolvem, apesar de mais nobre das intenções e, de fato, como seu corolário.

Para assinalar a problemática eo espectro de situações críticas e traumático que implica, não é suficiente, a aceitação da realidade da problemática DEVE SER SEGUIDO POR MUDANÇAS Se a preocupação é não permanecer puramente académica.

É necessário, portanto, para apresentar as questões dentro da problemática em termos específicos e relevantes, que exige regiões interpretação das questões globais. Além disso, a base deve ser fornecido para a resolução de conflitos (inevitavelmente acompanha a problemática situações-tipo), através da cooperação em vez de confrontação.

Esses fatores têm fornecido a motivação para a iniciação da estratégia de sobrevivência para o projeto que prevê a construção de um modelo regionalizado e adaptação do sistema do mundo com total tht seguintes objectivos específicos:

1.

Para permitir a execução de cenários para o desenvolvimento FUTURO DO MUNDO SISTEMA, que representam visões do mundo futuro, decorrentes de diferentes culturas e sistemas de valores e de refletir as esperanças e medos em diferentes regiões do mundo.
2.

Para desenvolver um planejamento e as opções de ferramenta de avaliação para questões de longo alcance, e, assim, proporcionar uma base para resolução de conflitos através da cooperação em vez de confrontação.

2.

Estrutura Básica do Modelo
As características básicas do modelo são:
1.

O MUNDO sistema é representado em termos de interação das regiões com as disposições tomadas para investigar qualquer país ou sub-região no contexto do desenvolvimento regional e global.

Atualmente o sistema mundial é representada por dez regiões:

*

AMÉRICA DO NORTE
*

EUROPA OCIDENTAL
*

EUROPA ORIENTAL
*

JAPÃO
*

Resto do Mundo Desenvolvido
*

AMÉRICA LATINA
*

ORIENTE MÉDIO
*

Resto da África
*

SUL E SUDESTE ASIÁTICO
*

CHINA

2.

A fim de ser capaz de lidar com a complexidade de fatores envolvidos na problemática de uma forma que é sólida, credível e sistemática, uma estrutura hierárquica de abelha tem adotado para o modelo em que cada nível na hierarquia representa a evolução do sistema no mundo um contexto definido por um determinado conjunto de princípios e leis.

Especificamente, os níveis envolvidos são:

*

GEO-FÍSICA
*

ECOLÓGICA
*

TECNOLÓGICO (fibras sintéticas energia e massa TRANSFERÊNCIAS)
*

ECONÓMICO
*

INSTITUCIONAL
*

Sociopolítica
*

VALOR CULTURAL
*

HOMEM-BIOLÓGICAS

Essas e abordagem permite uma utilização optimizada dos conhecimentos científicos e confirmados os dados disponíveis

3.

Uma visão adequada das condições em que a problemática é emergente e em que as soluções devem ser encontradas requerem o reconhecimento dos aspectos intencionais da comunidade humana e adaptabilidade dos seres humanos.

O modelo do sistema do mundo terá, portanto, duas partes:

1.

o chamado da causalidade, o que representa processos dinâmicos que seguem padrões de desenvolvimento histoical
2.

o objetivo chamados buscando parte que representa mudanças intencionais sob novas condições. A meta-busca por sua vez, inclui dois níveis:
*

tomada de decisão ou o nível de ações
*

o nível de normas

O primeiro representa a resposta intencional do sistema enquanto a segunda representa os valores e normas que restringem e condição de tal resposta.

3.

Os progressos na construção do modelo
A construção do modelo, como descrito na Sec. 2 e com os objectivos especificados no Sec. 1 é certamente uma tarefa bastante complexa ea pesquisa está organizado para decorrer em paralelo em várias direções.

A avaliação global do estado do modelo é o seguinte:

O modelo foi desenvolvido até o palco onde ele pode ser usado para a análise política relacionada a uma série de questões cruciais, tais como:
*

utilização de recursos energéticos e avaliação tecnológica
*

demanda de alimentos e produção
*

crescimento da população eo efeito de calendário de programas de controle de natalidade
*

redução das desigualdades regionais na evolução económica
*

dinâmica de depleção de certos recursos, particularmente as reservas de petróleo
*

uso de fósforo como fertilizante
*

desemprego regional
*

restrições em crescimento devido ao trabalho, a energia ou restrição à exportação, etc

Desenvolvimentos específicos que permitam o uso do modelo, como descrito acima incluem o seguinte:

1.

Um modelo de computador do sistema económico mundial foi desenvolvida e validada por um extenso conjunto de dados. O modelo tem dois níveis – macro e micro.

No nível macro, o modelo de cada região inclui o Produto Regional Bruto, importação e exportação, de capitais e Produtividade do Trabalho e vários componentes do FINAL demanda, como Consumo Público, despesas públicas, e investimento total.

NO NÍVEL MICRO setores produtivos oito são reconhecidas:

*

AGRICULTURA DE FABRICO
*

PROCESSAMENTO DE ALIMENTOS
*

ENERGIA
*

MINERAÇÃO
*

SERVIÇOS
*

BANCOS E COMÉRCIO
*

CONSTRUÇÃO RESIDENCIAL

As entradas-saídas é utilizado para a demanda intermediária. A FULL SCALE COMÉRCIO MICRO matriz também foi desenvolvido.

2.

A POPULAÇÃO MUNDIAL modelo foi construído com base nas mesmas regiões como modelo econômico. O modelo foi validado pelos dados disponíveis. Em cada região, a estrutura da população é representada em termos de quatro grupos de idade com atrasos adequadas que tornam possível a avaliação da dinâmica populacional e avaliação da eficácia da implementação de várias medidas de controlo da população.

3.

Um modelo energético foi construída que dá para cada região, o consumo ea produção de energia e de intercâmbio inter-regional dos recursos energéticos como uma função de fatores econômicos.

Energia é tratado, tanto em termos compostos e em referência a fontes de energia individual, ou seja, os combustíveis sólidos, combustíveis líquidos, energia nuclear, gás e hidrelétricas.

4.

A produção de alimentos e ARÁVEIS usar o modelo foi construído, que permite a avaliação de uma série de questões ligadas à alimentação, incluindo:

*

a necessidade e disponibilidade de fósforo necessários para a agricultura intensiva
*

AS CONSEQÜÊNCIAS DO CALENDÁRIO e magnitudes DAS CATÁSTROFES NATURAIS, como a seca, más colheitas devido à doença, ETC.

5.

Uma das principais preocupações da aplicação do modelo de computador é a sua correcta utilização, de modo a evitar a dependência de aspectos do funcionamento do modelo determinista. Para evitar este método interativo de análise de uma simulação de computador foi desenvolvido.

A representa uma simbiose MÉTODO DE HOMEM E computador em que o para computador The Logical NUMÉRICA E POTENCIALIDADE enquanto o homem fornece os valores, intuição e experiência.

O método utiliza uma especificação de opção eo programa de seleção que permite que o analista de política ou tomador de decisão a avaliar opções alternativas em vários níveis do processo de decisão, ou seja, com relação aos objetivos, estratégias, táticas e fatores de implementação.

É dada especial atenção a processos de mudança NORM.

6.

Progressos na aplicação. O modelo foi utilizado tanto para a avaliação de cenários alternativos para futuros desenvolvimentos regionais e globais (sob diferentes condições regionais), bem como na seleção de modo interativo das opções de política (especificamente para as crises a energia problemas em regiões desenvolvidas).

Nossos esforços no futuro imediato será CONCENTRADOS AINDA SOBRE O USO DO MODELO desenvolvidos já.

Os planos incluem ênfase em três direcções seguintes:

1.

Avaliação nas mudanças ao longo do tempo o espaço de opções disponíveis para resolver alguns problemas de grande crise.
2.

Implementação de modelos regionais em diferentes partes do mundo e sua conexão através de uma rede de comunicação por satélite para efeitos de avaliação conjunta do futuro global a longo prazo por equipes de várias regiões.
3.

Implementação da visão para o futuro traçado por líderes de uma região subdesenvolvida no fim de avaliar os obstáculos modelo existente e dos meios utilizados pelo VISÃO PODEM SE TORNAR REALIDADE.



Esse post foi publicado em anticristo, chip, internacional, nova ordem mundial, widget. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s