Hugo Chavez anuncia projeto nuclear para Venezuela

http://ecourbana.files.wordpress.com/2008/11/usina-nuclear.jpg
Chávez recebe Putin e anuncia projeto nuclear para Venezuela

A Venezuela está disposta a iniciar o desenvolvimento de sua primeira central nuclear, “com objetivos pacíficos”, revelou nesta sexta-feira o presidente Hugo Chávez, ao firmar acordos de cooperação com o primeiro-ministro russo, Vladimir Putin, que visita

A Venezuela está disposta a iniciar o desenvolvimento de sua primeira central nuclear, “com objetivos pacíficos”, revelou nesta sexta-feira o presidente Hugo Chávez, ao receber em Caracas o primeiro-ministro russo, Vladimir Putin.

“Conversamos sobre o tema e estamos dispostos a iniciar o primeiro projeto para uma central de energia nuclear, obviamente com fins pacíficos”, declarou Chávez.

Segundo o presidente, Venezuela e Rússia estão desenvolvendo “uma nova equação” no âmbito das relações bilaterais.

“Tenho que agradecer seu apoio ao projeto bolivariano”, disse Chávez a Putin.

Chávez também destacou que a Venezuela “já entrou” na corrida espacial, guiado pela “gigantesca” experiência da Rússia no setor.

“Discutimos sobre o tema do uso do espaço extraterrestre. A Venezuela já entrou na corrida de satélites, espacial. A experiência da Rússia é gigantesca nesta área”.

Putin, que chegou hoje a Caracas para uma visita oficial, já firmou cerca de 30 acordos com Chávez, nas áreas de energia, petróleo, tecnologia e defesa.

A Venezuela é um dos principais parceiros econômicos e políticos da Rússia na América Latina, e os dois governos já firmaram numerosos acordos nos últimos anos em matéria energética e de defesa.

Entre 2005 e 2007, Caracas firmou contratos para a compra de armas russas no valor total de 4,4 bilhões de dólares, incluindo caças Sukhoi, helicópteros de combate e fuzis de assalto Kalashnikov.

Putin aproveitou a visita de hoje para destacar o apoio da Venezuela após os recentes atentados em Moscou, e afirmou que seu país desenvolverá mais forças para “lutar contra o terrorismo”.

“Quero agradecer, mais uma vez, ao presidente Hugo Chávez por seus pêsames após os últimos atos (suicidas). Vamos desenvolver ainda mais forças para lutar contra o terrorismo”, declarou durante cerimônia no Palácio Presidencial em Caracas.

Chávez condenou hoje os atentados suicidas que esta semana deixaram dezenas de mortos em Moscou afirmando que “estes atos terroristas enlutaram a Rússia e a nós também”.

Na segunda-feira passada, dois ataques suicidas contra o metrô de Moscou deixaram 40 mortos. Os ataques foram seguidos por um atentado na quarta-feira que matou nove policiais e um civil na cidade de Kizliar, no Daguestão.

Esse post foi publicado em internacional. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s